Continuam as retaliações no gasto com dinheiro público.

O Vereador Renan Bender ingressou com um projeto de lei que modifica o artigo 3º da lei Nº 3.347 de 29 de Setembro de 2015, e extingue o Assessor Parlamentar do quadro de funcionários do Poder Legislativo.

Na justificativa o vereador, sem partido (renunciou há uns dias atrás ao PP), apresenta números de gastos na contratação de um assessor, o que gira em torno de 220 mil reais por ano, defendendo uma velha tese de que um assessor por vereador é suficiente. Renan, que mantém desde o começo da sua legislatura somente uma pessoa ao seu lado traz como exemplo o anos de 2013, quando como Presidente do Legislativo Quaraiense cortou estes assessores, proporcionando a devolução de 230 mil reais aos cofres públicos.

O projeto de lei será sometido a avaliação dos demais integrantes da corporação.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *